Dia Nacional de Lutas: manifestações em 7 capitais, truculência policial no Rio de Janeiro

Manifestações de rua, paralisações, ocupações de prefeituras e bloqueio de portos e rodovias tomaram São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Natal e Maceió nessa quinta-feira (11). No Rio de Janeiro, a mobilização começou cedo no ato organizado pelo Fórum de Saúde em conjunto com o Fórum em Defesa da Educação Pública na praça XV, que contou com a participação do vereador Renato Cinco (PSOL) na luta por mais investimentos públicos e contra a privatização. Durante a tarde, mais de 7.000 pessoas ocuparam a Avenida Rio Branco na manifestação unitária das centrais sindicais e movimentos sociais, pela redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais e o fim dos ataques aos direitos dos trabalhadores.

No entanto, no início da noite a polícia militar iniciou um ataque generalizado aos manifestantes e a população, que se estendeu do centro para 7 bairros, com dezenas de pessoas detidas e bombas de gás lacrimogêneo atiradas dentro de residências. A casa de Saúde Pinheiro Machado, em Botafogo, chegou a ser invadida pela Polícia, que perseguia manifestantes vindos  de um ato organizado em frente ao Palácio Guanabara, sede do governo estadual.

Veja a truculência da repressão policial:

 

Advertisements
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s